Revender Roupas

Sem dúvida, toda essa crise vivida pelo Brasil tirou muita gente do mercado de trabalho formal e acabou estimulando o chamado empreendedorismo por necessidade, nesse sentido, ter o próprio negócio deixou de ser apenas um sonho e se transformou em alternativa.

E não tem como falar em oportunidades e próprio negócio sem falar em revenda, que não é de hoje que é o caminho escolhido por muitas pessoas que não conseguem um espaço no mercado de trabalho formal.

Nesse sentido, revender roupas é uma opção bem antiga mas que ainda tem espaço nos dias atuais.  Não é de hoje que revender roupas é a solução que muitas pessoas encontram para complementar a renda familiar, ou mesmo, ser a principal fonte de renda.

Podemos dizer que, na verdade, a revenda de roupas ainda consegue ser bem mais lucrativa que antes, já que com a ajuda da Internet hoje é possível alcançar um número bem maior de pessoas sem precisar, sequer, sair de casa.

Hoje é possível adquirir roupas em diferentes sites, receber tudo em casa e, então, vender em lojas virtuais, ou mesmo, da forma tradicional, de porta em porta ou em reuniões.

revender-roupasComo comprar no Atacado e Varejo

Atualmente, quem pretende revender roupas se depara com uma série de opções, e para entender como esse negócio pode ser lucrativo é necessário, primeiro, compreender a diferença entre atacado e varejo.

De uma forma geral, quem busca por produtos variados, compra em lojas de varejo, onde são comercializadas poucas unidades de cada mercadoria para os consumidores por um preço X a unidade.

Já, quem pretende adquirir um número grande de cada peça, nesse caso, a escolha é por lojas de atacado, que oferecem um valor de acordo com a quantidade. Por exemplo, acima de tantas peças pagar um número x, que é sempre bem menor que no varejo.

Ou seja, quanto mais unidades comprar de uma mesma peça, menor será seu custo unitário.

Sem dúvida, a melhor opção para quem tem um capital para investir, o que nem sempre acontece.

Assim, quanto maior o número de roupas adquirido no atacado, por um preço bem mais acessível, melhor vai ser para trabalhar esse valor com os clientes, podendo colocar um valor acima do que pagou por cada peça e, assim, ter uma margem de lucro maior.

Vale a pena revender roupas?

Vale-a-pena-revender-roupasA resposta é SIM. Acredite, por um motivo ou outro, muitas pessoas não querem, não gostam ou não têm tempo de ir de loja em loja procurar roupas.

Não é de hoje que muitas pessoas ganham dinheiro dessa forma, buscando os atacados com os melhores preços e oferecendo produtos adequados para o seu público alvo. As chances de bons lucros e crescimento para o negócio de revenda de roupas estão garantidas. Afinal, mesmo em tempos de crises as pessoas precisam comprar vestuário.

Muitos consumidores que, mesmo não precisando, sempre compram peças novas. No entanto, como qualquer outro negócio, é preciso organização, dedicação e planejamento.

Um dos principais pontos é avaliar para quem você quer vender roupas. Criar seu público e se inteirar sobre seus gostos e estilo.

É possível começar vendendo para as amigas, colegas de trabalho e de faculdade. Sempre trabalhando as estratégias, pesquisando e avaliando gostos, estilos, classe social dessas pessoas. Quanto estão dispostas a pagar pelas roupas, quais as suas preferências em termos de estilo, etc. Isso vai ajudar você a definir quem é o seu público alvo e o que ele precisa e deseja.

Pensar muito bem na forma de pagamento, em como facilitar para não perder clientes para as lojas de departamentos, que facilitam tanto. E vale lançar mão até de opções como as atuais maquininhas de cartão que, sem dúvida, chegaram para facilitar a vida de empreendedores e vendedores que antes tinham que rezar para os cheques terem fundo ou os clientes não sumirem nos dias de pagamento.

A partir disso, é preciso buscar as melhores opções que comercializam no atacado as roupas que você quer comprar para revender.

Algumas lojas para comprar no Atacado

É preciso ter em mente que além de lojas físicas, existem opções de  lojas virtuais.

Antes de iniciar o seu negócio de revenda de roupas, é preciso pesquisar preços, avaliar o estilo de cada loja, as condições de pagamento e quais oferecem a melhor logística para a sua estratégia. É preciso ter todas essas questões muito bem avaliadas na hora de escolher onde adquirir as roupas para revender.

Algumas lojas para comprar no atacado são as seguintes:

  • Lado Avesso;
  • Eloá Modas;
  • Morena Chic;
  • Lemier Premium;
  • Iris Goya;
  • Kaisan;

Vale saber que também existem lojas que vendem roupas por atacado em outros países, sendo preciso, nesse caso, importá-las e, acredite, isso pode valer muito a pena! Certamente, no caso, de optar em importar é preciso levar em conta o valor de cada peça e se você terá que pagar, ou não, impostos com essa importação. De qualquer forma, é preciso saber muito bem como realizar o procedimento. Alguns exemplos são as lojas:

  • Aéropostale;

Lucros ao revender roupas

lucros-de-roupasCertamente, antes de iniciar o seu negócio, é preciso saber o quanto poderá investir em roupas, a quantia que poderá disponibilizar. Na verdade, o valor vai depender muito da quantidade de roupas que são adquiridas e em quais lojas você vai fazer as suas compras. Como já foi visto, o atacado é sempre a melhor opção, já que quanto mais peças você adquirir, mais baixo pagará pela mesma.

Vale ter em mente que hoje já existem muitas lojas de departamentos facilitando a compra em muitas vezes, por isso, seus preços precisam ser competitivos e, além de oferecer o conforto de ir até o cliente, também oferecer vantagens na hora de pagar, e as maquininhas hoje já facilitam muito essa parte.

Mas, de qualquer forma, é preciso entender que as pessoas estão cada vez mais exigentes, querem qualidade e preço, portanto, não adianta vender por um preço muito acima do praticado no mercado, senão você não consegue revender os produtos.

Por isso, pesquise a concorrência, ofereça vantagens, mimos aos clientes, vale fazer parcerias, defina um preço competitivo para as suas roupas e fidelize os clientes.

Como revender em consignação

Sem dúvida, a consignação é uma ótima opção para quem quer ganhar dinheiro vendendo roupas mas  não tem capital para investir. Porém, é preciso encarar uma grande desvantagem, que é o fato dos lucros serem bem menores, comparados a compras de roupas no atacado, mas, no entanto, é uma boa forma de começar, para quem não tem dinheiro.

Enfim, quem está iniciando, revender roupas em consignação, pode ser um bom primeiro passo para um futuro de sucesso.

Lista de fornecedores de roupas em consignação

Como já foi visto, vender roupas em consignação pode ser uma ótima forma de começar, porém, alguns fornecedores de roupas em consignação exigem que os vendedores preencham alguns requisitos, tais como:

  • Não ter pendências bancárias,
  • Ter endereço fixo, com comprovante de endereço recente como conta de água ou luz e telefone fixo para recado.

Vale saber que embora estes requisitos sejam padrões, podem ter algumas diferenças, dependendo da empresa. Por isso, mesmo que tenha pendências financeiras, não desanime, pois ainda assim é possível encontrar fornecedores para revender roupas em consignação.

Por exemplo, alguns fornecedores aceitam cheques de terceiros como garantia, o chamado “cheque caução”.

De uma forma geral, pequenos fornecedores interessados em parcerias de consignação, costumam facilitar a liberação de seus produtos, consulte-os.

Alguns fornecedores:

Revenda roupas

dicas-para-revender-roupasHá mais de 15 anos no mercado, a Revenda Roupas, uma fornecedora de roupas em consignação tem como foco atender sacoleiras e profissionais de revenda autônoma, que buscam peças como jeans e blusas femininas para revenda.

Solicite mais informações e-mail: contato@revendaroupas.com.br

Chanel Roupas em Consignação (apenas Curitiba)

A marca atua no segmento comercializando roupas femininas, masculina e infantil, é  uma excelente opção de revenda consignada para interessados do estado de Curitiba. Veja em detalhes como revender roupas em consignação deste fornecedor neste link.

 https://ift.tt/2OtwC6M

Zoppe moda Jeans (Atacado e Consignado)

Fundada em 2013, visando atender à crescente demanda por roupas no mercado online Brasileiro, a marca tem como foco comercializar calças jeans fabricadas no Brasil, por meio de marcas e fornecedores de alta qualidade.

Quem se interessar, deve enviar email para contato@zoppe.com.br

A dica, no entanto é tentar reservar uma parte do lucro para poder investir em peças no atacado e, aí sim, começar a lucrar de verdade.O ideal é fazer um estoque próprio de roupas, as quais são compradas a valores bem menores do que os ofertados em consignação.

Com certeza, fazendo isso, verá seu negócio crescer a passos largos e construir um futuro de sucesso.

Dicas de como ganhar muito dinheiro revendendo roupas

como-lucrar-com-venda-de-utensilios-para-roupasDicas ou conselhos são sempre bem-vindos e jamais devem ser subestimados, por isso, preste atenção em algumas dicas para conseguir lucrar revendendo roupas:

Organização

É comum ao começar um novo negócio a pessoa se deixar levar pela animação e a organização e planejamento acabar ficando de lado. Embora muitos possam se assustar com a palavra planejamento, na verdade, ele é fundamental em qualquer negócio.

O Planejamento e organização devem vir em primeiro lugar, antes mesmo da compra da primeira peça em atacado com o objetivo de revender roupas.

Como receber em dia de seu cliente

Sem dúvida, uma das maiores dificuldades de quem trabalha com revenda e, também, um dos motivos de muitos desistirem de entrar nesse ramo é conseguir  receber em dia de seu cliente.

Felizmente, hoje com a maquininha, fica bem mais simples poder facilitar para o cliente, para que o mesmo possa pagar com cartão de débito ou crédito, em várias vezes até, se for o caso, e facilitar o próprio lado, já que não precisará ficar se estressando com cheques sem fundos ou clientes que somem para não pagar.

Porque abrir uma microempresa

Quem deseja trabalhar por conta própria, deve pensar seriamente em se cadastrar como empreendedor individual e ficar legalizado como micro ou pequeno empresário. Dessa forma, o revendedor/empresário passa a contar com um CNPJ e poderá emitir nota fiscal entre outros benefícios, tais como:

  • Possuir CNPJ
  • Poder emitir nota fiscal
  • Contar com benefícios como auxilio maternidade, auxilio doença, aposentadoria.
  • Ótimas taxas para abertura de conta bancaria pessoa jurídica e acesso a créditos bancários com menores juros.

É preciso saber, no entanto, que para contar com todas essas vantagens o interessado em revender roupas, deverá pagar mensalmente uma quantia de, mais ou menos, R$ 27,00 de taxa para INSS, R$ 5,00 de taxa para prestadores de serviço e R$ 1,00 de taxa para o comércio e indústria, total de R$ 33,00 mensais.

Abra uma conta bancária de pessoa jurídica

Nos 12 primeiros meses de conta jurídica, no entanto, o acesso a empréstimos estará limitado. E também, para ter linhas de créditos disponíveis para empréstimos, a conta deverá ser constantemente movimentada, a não ser que o empresário possa oferecer garantias ao banco, como carro ou casa quitada e com a documentação em dia.

Invista em máquinas de cartão

Felizmente, para a alegria de quem trabalha com vendas, já existe uma grande variedade de máquinas de cartão de débito e crédito no mercado.

Uma das mais adotadas por quem trabalha com revendas e a alternativa mais viável e escolhida pelos vendedores autônomos são as máquinas de cartão sem aluguel, com conexão GPRS  (utiliza uma rede de dados de telefonia móvel para realizar as transações), por isso não há necessidade do uso de Internet, linha telefônica, ou outro tipo de conexão.

Portátil e segura, esse tipo de máquina pode ser adquirido por pessoa física ou jurídica, profissional liberal, autônomo e MEI. Para adquirir é muito simples: basta ter uma conta corrente em um banco ou instituição financeira, e criar uma conta no PagSeguro, associando a sua conta corrente à sua conta do PagSeguro.

Ao contrário das demais, não é preciso fazer nenhum tipo de pagamento mensal para utilizar o serviço, basta comprar a máquina de cartão que custa R$346,80, com frete grátis para todo o Brasil, podendo ser parcelada em até 12 x. Além disso, o PagSeguro oferece 3 anos de garantia para a máquina de cartão.

Simples assim!

E é isso, espero que aproveite essas dicas e…boas vendas!

O post Revender Roupas apareceu primeiro em Guia do Revendedor.

from Guia do Revendedor https://ift.tt/2QkK2Px
via IFTTT

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.